Jato de brinquedo mais legal de todos!

Este post deve ser o mais inútil que eu já escrevi, mas mesmo assim, eu quero.

Acontece que ficou guardado na casa da minha tia-avó um avião a jato de brinquedo que eu adorava e que minha mãe trouxe de volta pra São Paulo, muito possivelmente porque minha tia-avó já estava querendo se livrar do brinquedo. O fato é que eu adoro o avião, senão não teria guardado e muito menos estaria escrevendo sobre ele! Curioso é o fato de que minha tia-avó conta que, quando levei minha ex-namorada pra São Carlos, a primeira coisa que fiz quando cheguei na casa da tia-avó foi mostrar pra namorada o meu avião… e isso faz o quê, 5 anos?!

Isso tudo porque este avião a jato é muito legal! Ele é mega barulhento e quando você liga, ele faz o som da turbina. Aí é só sair correndo com ele por aí e, se você levantar o bico do avião, ele acelera e o som fica mais intenso e, se baixar o bico do avião, ele reduz a velocidade e volta ao que era antes. Só que ele tem várias velocidades diferentes e isso é muito maneiro! Então no calor da guerra, é só disparar uma rajada de balas da metralhadora apertando o lado esquerdo do botão vermelho do manche e, se o bicho pegar, lançar um míssil teleguiado apertando o lado direito do botão. Era o jato de brinquedo mais legal de todos! Dá uma olhada no vídeo. Não dá pra ver porque a câmera do iMac não deu conta de capturar, mas a luzinha vermelha pisca freneticamente enquanto a metralhadora é disparada:

Foi fabricado pela Ching Cheng Toys de Taiwan em 1990, quando eu tinha só 4 aninhos. Obviamente não me lembro de quando ganhei este brinquedo, mas sei que me diverti muito.

Quando minha mãe trouxe de volta o avião, fiquei com vontade de abri-lo pra ver como ele funciona por dentro. Quero dizer, o botão vermelho é muito óbvio, mas acelerar e reduzir o barulho do motor somente com a inclinação do avião, é isso que me deixa curioso. Não abri o brinquedo porque minha mãe levou pro filho de uma amiga (que provavelmente vai pirar!). Então fica a dúvida. Pode ser que ele funcione com uma espécie de pêndulo, que me parece mais provável, ou pode ser uma tecnologia mais rudimentar ou até mais avançada. O fato é que, provavelmente, eu nunca vou saber.

p.s.: a foto peguei na internet, porque fiquei com preguiça de tirar a câmera da mochila.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s