Um computador, digamos, “ecologicamente correto”

A palavra de ordem ultimamente é ser “ecologicamente correto”, “sustentável” e “amigo da natureza”, coisa que toda empresa diz que é, mas eu particularmente não vejo acontecer. Mas de vez em quando aparecem, sim, algumas boas ideias… como o Recompute, criado por Brenden Macaluso.

É que, na verdade, agora sim os caras fizeram alguma coisa realmente diferente.

Porque preste atenção: todos os computadores que a gente compra têm um selo com uma folhinha verde pra mostrar que ele é “ecológico” e economiza energia elétrica… beleza, mas ele vem dentro de uma embalagem enorme que vem dentro de outra embalagem, tudo empacotado em saquinhos plásticos e cheio de plástico bolha e o cacete… e quando o computador quebra, vai pro lixo, ou pros catadores de ouro em países pobres, então me desculpe, meu amigo, mas seu produto não é “sustentável”!

Então Brenden vem com o Recompute que, com uma ótima sacada, substitui a velha carcaça dos desktops por papelão microondulado. Na minha opinião, já é um excelente ponto de partida! Não é um primor de beleza, mas grande parte dele será reciclado no dia que ele não prestar mais.

“Nosso foco […] trata-se de mudar o paradigma de uma sociedade descartável, para uma cujo ponto principal é  a responsabilidade em todas as fases do processo do consumidor. Recompute é pioneiro no conceito de Produto de Baixo Impacto Ambiental (Low Impact Product) com a esperança de mudar as expectativas para as futuras gerações.”

Sendo um L.I.P, todo o processo de manufatura também tem foco em redução do impacto ambiental – mas as outras empresas sustentáveis também focam nisto – então o grande diferencial é, sim, o material usado no Recompute. Nossa sociedade é consumista e quer sempre ter os produtos mais modernos, com tecnologia de ponta, então eles se tornam obsoletos em pouco tempo. Pensando nisto, o Recompute é feito para não ser durável, para estragar logo – o que é ótimo, já que logo vamos querer um mais novo! Então realmente não há necessidade de ser durável.

Eu sou absolutamente a favor da consciência ambiental em tudo o que fazemos, mas não me agrada matar a estética unico e exclusivamente por causa da função, então espero que as grandes empresas considerem o Recompute como uma aula – não precisam fazer tudo com papelão, claro – e aprendam que às vezes até uma única mudança na produção pode fazer toda a diferença.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s